Este é o primeiro texto e tópico nesse blog e tem um motivo especial para isso, tenho sido perguntado por várias vezes onde que eu encontro a minha motivação e o que é motivação. Depois de algum tempo pensando sobre o assunto, escrevi “A fonte de poder”.

Desde muito cedo, eu sou alguém que gosta de questionar tudo, não por ser cético, mas, para achar explicações para tudo que me intriga. Eu, simplesmente amo essa conexão de aprendizado e desenvolvimento por mim mesmo e ouvir diferentes experiências e histórias.

Eu encontrei e baseei meus fundamentos de motivação, deste jeito, observando e ouvindo cuidadosamente o que todos tinham a dizer sobre a vida.  

Contudo, isso não significa que eu tive uma vida fácil, mas, foi muito mais simples de algumas maneiras, por conta que eu aprendi uma lição que meu pai costumava dizer pra mim:

 “Observe e aprenda com as más experiências a sua volta, com o que as outras pessoas erram e não repita-os. A vida é uma só, não perca suas oportunidades ou tempo, insistindo em coisas erradas. Sempre faça cada oportunidade ser única e melhor”.

Neste tempo eu não poderia entender o real significado dessa mensagem, eu era apenas uma criança de 12 anos. Todavia, conforme eu fui crescendo, eu entendi a ideia.

Motivação é algo que considero excepcionalmente pessoal porque muda de pessoa para pessoa. Porém, acredito que após, observar e ouvir tanto, achei o meio termo onde todos encontram-se que é justamente onde as dificuldades estão. (Minha humilde opinião).

As pessoas neste estágio, desejam sair de tal situação, apesar de que eles não sabem por onde começar, encontrar forças para isso. Este é o momento que faz as pessoas caírem por terra de que motivação, não é a coisa romântica que pregam por aí e que elas ficam na expectativa esperando acontecer.

A realidade é mais em baixo, motivação tem que ser algo único vindo de você, como você encara os problemas e isso que o torna algo extremamente especial.

Minha experiência de vida foi algo bem difícil e conturbado e eu não queria ficar preso naquela situação. Então, achei minha motivação nas experiências ruins e negativas, pois, percebi que ali não era o lugar onde eu gostaria ou deveria estar.

Se os problemas da sua vida não te motivam a ser melhor, é um ponto a ser observado.

Durante esse tempo, aprendi a ser grato, não apenas por bons momentos, mas, por cada singelo e singular momento, não importa o que aconteça paralelo a minha vida. Pois lá, eu pude encontrar mais razões para não parar e me manter seguindo em frente. Ser grato pelos dias de chuva, pelo alimento do dia, pelo meu trabalho, os meus estudos e etc.

Sempre ser grato. Quando praticamos a gratidão todos os dias, nos encontramos mais razões para não desistir ou ficar reclamando e também razões para nos mantermos positivos, que consequentemente atrai uma boa atmosfera para nós e isso muda toda a situação ao nosso redor.

Eu tenho praticado e vivido coisas assim, todos os dias e de tempos em tempos, recebo convites de empresas e instituições para falar sobre motivação.

Quando eu falo sobre motivação, lembro-me claramente quando eu era pequeno, eu sempre tentava achar uma razão ou alguém para me inspirar e sentir-me motivado. Contudo, eu percebi que a melhor pessoa que eu poderia me sentir inspirado, era eu mesmo e meu conselho para todos é que seja o mesmo.

Olhe para você e encontre seus próprios motivos, pois tenho absoluta certeza que você tem vários deles.

E também pergunte a si mesmo as seguintes 5 questões as quais mudaram meu ponto de vista sobre a vida e de repente possam agregar algo para vocês tambem:

  • O que amo na minha vida?
  • Quando eu sou a minha versão mais feliz?
  • Do que eu tenho medo fazer?
  • Estou eu fazendo tudo o que eu posso para alcançar meus objetivos?
  • Onde eu quero estar daqui a 5 anos?

Até hoje ainda uso as mesmas perguntas para refletir e elas me guiam na direção que eu tenho que tomar na minha vida de tempos em tempos.

Seja confidente e acredite em si mesmo(a), a vida é uma só e o que faz essa experiencia tão especial é a sua singularidade. Não disaponte você mesmo(a) e continue. Algum dia, por algum motivo você chegará lá (aonde você deseja estar, mas, se caso não saiba, reflita sobre isso).

Em outras palavras, não espere pela motivação vim até você.

É sua escolha motivar-se todos os dias e ir até a sua “fonte de poder”.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s